Revista Monet

Com a Monet você tem um superguia diário da programação, acessa conteúdos exclusivos e muito mais.

  • Estrelas Além do Tempo 

    NOW

    À Beira-Mar

  • Campeonato Brasileiro 

    Campeonato Brasileiro - Série A, dia 13, 18h30, SporTV

    Campeonato Brasileiro

  • Como eu Era Antes de Você 

    Como eu Era Antes de Você, dia 20, 22h, Telecine Premium

    Como eu Era Antes de Você

  • Mickey Aventuras Sobre Rodas 

    Mickey Aventuras Sobre Rodas, dia 8, 12h Disney Channel

    Mickey Aventuras Sobre Rodas


O Que Vem Por Ai

 Cuidado com o Slenderman

Cuidado com o Slenderman


Dia 15, segunda, 22h05, HBO
Documentário acompanha a primeira lenda urbana com origem na internet, o Slenderman, que teria inspirado um ataque sangrento de duas meninas de 12 anos a uma colega da mesma idade e é demonstração dos recôncavos mais sombrios da mente humana

MTV Movie Awards

MTV Movie Awards


Dia 7, domingo, 21h, MTV, domingos, 23h, Universal
O melhor do cinema, se apenas a molecada mandasse na Academia de Hollywood. É assim que pode ser definido o MTV Movie Awards, que já expressa a irreverência nas próprias categorias e na opção por mesclar filmes e séries de televisão. Melhor Beijo coloca em disputa Emma Stone e Ryan Gosling (La La Land) e Emma Watson e Dan Stevens (A Bela e a Fera). Já a Melhor Cena de Fazer Chorar tem Game of Thrones, Moonlight e Como Eu Era Antes de Você. Mas a sensação deve ser o terror Corra!, que teve seis indicações.

 Vlog da Mila

Vlog da Mila
Disponível no NOW


Mila, antiga estrela de D.P.A. – Detetives do Prédio Azul, ganha uma atração própria, com aventuras solo longe dos companheiros Tom e Capim. A personagem descobriu ser uma dâmia, uma bruxa que domina a magia verde e o poder sobre o mundo vegetal. Isso lhe garantiu a possibilidade de saber – ainda no Prédio Azul – que a sua mãe Anete Cristina tinha sido transformada em uma planta pela maléfica feiticeira Z.Z. Em seu primeiro semestre como aluna de bruxaria, Mila vai se esmerar em descobrir alguma maneira de trazê-la de volta à sua forma humana.

Um Pé de Quê? - Pé na Cozinha
Dia 10, quarta, 22h, Futura

 

Às vésperas da estreia da nova temporada de Um Pé de Quê?, a atriz e apresentadora fala das novidades do programa e da carreira, sempre irreverente e buscando novidades. Movida pela curiosidade de seus tempos de criança, quando costumava espiar os apartamentos dos vizinhos para “conhecer pessoas”, Regina Casé, 63 anos, segue há cinco décadas viajando o Brasil para contar histórias..

Mundo Do Cinema e TV

AS PREVISÕES CERTEIRAS DAS HISTÓRIAS DE OS SIMPSONS

AS PREVISÕES CERTEIRAS DAS HISTÓRIAS DE OS SIMPSONS


Lançado em 17 de dezembro de 1989, Os Simpsons estreia sua 28ª temporada. Não é preciso ser vidente como os roteiristas da série para saber que ela vai chegar muito bem ao 30º ano, já confirmado. Obra de ficção a mais tempo em exibição na TV dos EUA, a série, criada por Matt Groening, teve impacto definitivo nos rumos da cultura pop e pode ter previsto o desenrolar da comédia humana. Confira alguns casos em que Homer Simpson teve seus momentos de Mãe Dináh.
Os Simpsons, a partir do dia 1º, segundas, 22h, FOX

Todo dia um 7 a 1 > O Brasil não escapou da bola de cristal de Os Simpsons. Mas não foi uma previsão 100% acertada, pelo menos. O episódio sobre a Copa traz a contusão de Neymar no jogo contra a Alemanha (na verdade, aconteceu na partida anterior, contra a Colômbia) e o placar foi muito mais modesto – 2 a 0 para os campeões de 2014. Nem mesmo os roteiristas poderiam imaginar um resultado tão surreal.

Tchau, Grécia > A crise financeira e política vivida pela Grécia ao longo dos anos 2000 teve seu ápice em 2015, quando a União Europeia cogitou expulsar o país do grupo por não pagar suas dívidas. Dois anos antes, prevendo os problemas vividos pelos gregos, os roteiristas de Os Simpsons incluíram uma mensagem quase subliminar em um jornal televisivo do 10º episódio da 23ª temporada: “A União Europeia colocou a Grécia no Ebay”.

Ajuda à Apple > Os produtores de Os Simpsons não só previram alguns fatos do futuro como também ajudaram a imaginar muitas tecnologias que viriam a surgir. Uma matéria da revista Fast Company com designers da Apple revelou que o 8º episódio da 6a temporada, exibida em 1994, inspirou os engenheiros da empresa a idealizarem o iPhone. Em uma das cenas, os valentões Dolph e Kearney fazem uso de um aparelho com tela sensível semelhante à utilizada pela Apple. Outra previsão estética relacionada à empresa criada por Steve Jobs foi apresentada no 5º episódio da 8a temporada, em 1996. No programa, o vizinho de Homer, Ned Flanders, usa um interfone idêntico à versão clássica do Ipod, que viria a ser lançado apenas em 2001.

Prévia trágica > Uma das previsões mais trágicas feitas na série ocorreu no 10º episódio da 5a temporada, exibido em 1993. Na época, os roteiristas cogitaram a possibilidade de os tigres adestrados da dupla de mágicos Gunter e Ernst se rebelarem e atacarem seus mestres. Os mágicos eram inspirados na dupla Siegfried e Roy. Em um show no ano de 2003, Roy acabou extremamente ferido ao ser atacado por um tigre de 7 anos.

 JORGE AMADO E A TV

JORGE AMADO E A TV


Uma das personagens mais fortes da literatura de Jorge Amado, Tieta inspirou a novela de mesmo nome que conquistou o país no fim dos anos 1980 e que será reexibida no canal Viva. Sensual, divertida e libertária, ela era um exemplo de empoderamento feminino muito antes de o termo existir. Abaixo listamos outras adaptações da obra do famoso autor baiano.
Tieta, dia 1º, segunda, 15h30, Viva

Gabriela (1975)  > O livro, publicado em 1958, foi transformado em novela pela primeira vez em 1961, na extinta TV Tupi. Em 1975, Sônia Braga deu vida à personagem na minissérie da TV Globo, assinada por Walter George Durst (1922-1997). Em 2012, foi a vez de Juliana Paes interpretar a mulher brejeira.

Tenda dos Milagres (1985)  > Aguinaldo Silva tinha sua primeira experiência roteirizando obras de Jorge Amado nessa minissérie, que mostrava a fé do povo baiano e um pouco das religiões afro-brasileiras como o candomblé e seus orixás. Nelson Xavier era o protagonista que lutava para integrar as diferentes religiões no país.

Tereza Batista (1992) > A minissérie revelava ao Brasil o talento da atriz Patrícia França, perfeita encarnação da personagem-título. Mulher forte e determinada, Tereza Batista conseguia escapar das garras do maldoso Capitão Justo (Herson Capri), para quem havia sido vendida, para construir seu destino.

Dona Flor e Seus Dois Maridos (1998) > Giulia Gam dava vida à mulher que perdia o marido malandro. Jovem e bonita, despertava o interesse do farmacêutico vivido por Marco Nanini, mas não dispensava os encontros com o fantasma do fogoso ex (Edson Celulari). Coube a Dias Gomes (1922-1999) adaptar a obra para a TV.

Porto dos Milagres (2001) > Livre adaptação de  Mar Morto (1936) e A Descoberta da América Pelos Turcos (1994), a novela trazia Antônio Fagundes e Cássia Kiss como o casal inescrupuloso Félix e Adma. Eles transitavam por vários personagens da Bahia, que conduziram os 203 capítulos, escritos por Aguinaldo Silva e Ricardo Linhares.

CINEMA SEXY SEM SER VULGAR

CINEMA SEXY SEM SER VULGAR


O cinema tem deixado as coisas mais animadas – se é que você nos entende – sem pesar a mão e sem perder a linha. A excitante estreia de 50 Tons Mais Escuros na televisão nos levou a um passeio pelos filmes que apresentam o sexo do jeito que ele é, mas ficam longe de se tornarem pornografia. Confira alguns exemplos a seguir:
50 Tons Mais Escuros, em maio no NOW

Amizade Colorida (2011) > A atriz Mila Kunis usou um dublê de bumbum para a cena de nudez completa de sua personagem em um momento que contracenava com Justin Timberlake, apesar do fato de que ela aparece lateralmente seminua em algumas cenas.

Segundas Intenções (1999) > Durante a cena do beijo, Sarah Michelle Gellar e Selma Blair não tinham sido orientadas a produzir a saliva, mas depois que alguém no set notou, elas tiveram que gravar a cena novamente. O diretor de fotografia Theo van de Sande achou “lindo”.

Closer: Perto Demais (2004) > No início da filmagem, Natalie Portman deu a Julia Roberts um colar que dizia “cunt” (um palavrão bem pesado da língua inglesa) em homenagem à boca suja de suas personagens. No fim da filmagem, Roberts deu a Portman um colar que dizia “pequena cunt”.

De Olhos Bem Fechados (1998) > Stanley Kubrick assistiu a filmes como Showgirls (1995), Instinto Selvagem (1992) e Atração Fatal (1987) durante a edição, para ter uma ideia de quão explícitas as cenas de sexo no filme poderiam ser sem perder a classificação indicativa restrita a menores de 17 anos – como estava no contrato.

Azul É a Cor Mais Quente (2013) > Léa Seydoux e Adèle Exarchopoulos disseram que o relacionamento foi real até certo ponto, e que ficaram amigas após o filme. Uma das cenas de sexo levou 10 dias para ser filmada e as atrizes usaram vaginas protéticas nas partes em que praticaram sexo oral.

PROGRAMAS QUE UNEM HUMOR E NOTÍCIA

PROGRAMAS QUE UNEM HUMOR E NOTÍCIA


Politizado e não panfletário, o programa GREGNEWS com Gregorio Duvivier promete trazer o humorista soltando o verbo sobre assuntos espinhosos, mas longe de perder o fio da piada. Inspirado no formato do late night show apresentado por John Oliver, o cofundador do Porta dos Fundos se une a um seleto grupo de âncoras que informa sem ser enfadonho e usa o humor se se isentar de colocar o dedo na ferida. Confira alguns programas cujos apresentadores trazem um jeito bem humorado de dar as notícias a seu público:
GREGNEWS com Gregorio Duvivier, dia 5, sexta, 22h, HBO

Real Time with Bill Maher > Você nunca sabe o que o americano Bill Maher vai fazer ou dizer. Ele começa o programa com um monólogo tecendo uma crítica política e/ou social. Maher então entrevista alguma figura importante no estúdio antes de chamar de dois a três convidados para um debate. No meio desse painel, o apresentador faz uma esquete que normalmente satiriza notícias atuais. Extremamente politizado, Maher já foi processado pelo atual presidente dos EUA, Donald Trump, em 2013, quando chamou o empresário de orangotango (Trump apareceu no Tribunal de Los Angeles com uma certidão de nascimento provando que ele não era um animal). Entre seus convidados estão professores, pesquisadores e alguns nomes conhecidos como Jimmy Carter, Jerry Seinfeld, Pussy Riot (Maria Alyokhina e Nadezhda Tolokonnikova), Quentin Tarantino e Billy Crystal.

The Late Show with Stephen Colbert > Substituto de David Letterman desde 2015 no The Late Show, Colbert segue a linha dos talk shows em que o apresentador inicia seu programa com um monólogo breve antes da sequência de abertura com imagens de Nova York. Colbert é um pouco mais incisivo do que Jimmy Fallon e outros apresentadores humoristas, mas não quer dizer que ele deixe o ar cômico e o talento para a improvisação de lado. Mas é também mais contido em relação a opiniões polêmicas, ficando mais focado nas suas entrevistas, que trazem convidados do mundo do entretenimento como Jason Sudeikis, Jessica Lange, Samuel L. Jackson, Matthew Broderick e Helen Mirren.

Late Night with Seth Meyers > A série é a quarta versão de Late Night, originada por David Letterman. Meyers estreou como apresentador quando Jimmy Fallon foi para o Tonight Show. Os primeiros convidados de Meyers foram a colega do Saturday Night Live, Amy Poehler e o vice-presidente Joe Biden. No início, o humorista teve dificuldade em expor sua opinião e ser levado a sério, já que os monólogos eram feitos em um tom de piada e não de crítica. Mas o ciclo eleitoral americano de 2016 permitiu que o programa aumentasse seu foco na política, satirizando as notícias diárias do ponto de vista mais liberal de Meyers, tanto no monólogo como nos segmentos do programa. Isso também é, em parte, para ajudar a distinguir o programa do seu maior concorrente, The Tonight Show estrelado por Jimmy Fallon, que tenta apresentar uma perspectiva imparcial.

Weekend Update – Saturday Night Live > O esquete do humorístico Saturday Night Live traz comentários e paródias de assuntos da atualidade. É o quadro mais famoso do programa e teve sua primeira exibição em 1975 com Chevy Chase. Desde então, Jimmy Fallon, Tina Fey, Seth Meyers e Amy Poehler sentaram na bancada do “jornal” para satirizar ações de políticos, como Fey no papel da ex-governadora do Alasca Sarah Palin e a participação de Alec Baldwin como o atual presidente americano Donald Trump.